Promoção!

Deslizamento

13,99 3,00

Conto, microficção, teatro, vinheta, memória – diferentes géneros e geografias perambulam neste livro, numa viagem por estações e tempos com títulos evocativos: Natura Miniatura, Com Aline em Berlim, Escrito à Máquina, Teatron, Silva Rerum. Jardineiro do real, respigador de memórias pessoais e colectivas, pequenas e grandes, delicadas e graves, Jorge Listopad cultiva a escrita e a ficção com a leveza que só quem viveu muitas vidas e amou muitas línguas poderia fazer. Em cada estação se cumprem os desígnios da escrita: «Escrever quer dizer ir confessando e apagando os rastos.» Em cada estação, novos encontros: grandes nomes da cultura europeia e portuguesa descem as áleas de braço dado com mínimas e secretas ficções, encenações, amores inquietos, nostalgias de sabores perdidos. Da árvore milenar à erva do baldio suburbano, o prosaico poético vai da periferia para o coração da Europa e volta. Ou será o contrário?

Em stock