Promoção!

João Pinto

5,99 1,00

Àquele menino loirito, reguila, que fintava os amigos todos e que marcava golos atrás de golos lá no rinque do Bairro do Falcão e nos baldios de Campanhã, todos lhe adivinharam grandes feitos no futebol. João Vieira Pinto e a bola eram um único corpo e dali só podia sair uma relação para toda a vida. A bola era mais do que um simples instrumento de jogo, era uma extensão corporal, um órgão vital que não podia nunca amputar. Dormia e sonhava com ela e nutria a ambição de ser como os craques que quase todos os dias via na televisão. O “menino de ouro” entrou para galeria dos melhores. A magia do pequeno génio abençoou os relvados que pisou. E jogadores como JVP, geniais, imprevisíveis, impetuosos, quiçá de mais, não se olvidam. São os talentos como JVP que escrevem os mais belos capítulos da história do futebol. E o futebol agradece-lhe.

Em stock