Promoção!

No Vértice da Noite

11,60 1,00

O processo poético é frequentemente descrito como desconstrução da linguagem. Parece, à primeira vista, ser justa a ideia, porém parte de uma premissa, no mínimo, questionável: a de que o discurso humano exprime verdadeira realidade, seja de ordem sensível, seja no plano das ideias, este supostamente baseado naquela. É de pensar-se, por isso, que aqueles que eregem como matriz estética, por excelência, da modernidade poética, a desconstrução da linguagem, não estão afinal, no desenvolvimento da sua oficina poética, a proceder a desconstrução alguma. A minha modesta obra poética busca uma tendência substantiva: limita-se a questionar incessantemente o Ser usando minimalmente um aparato de atributos adjectivamente traduzíveis. Homem nascido e vivido no Ocidente, interiormente vivencio o Oriente. Exilado que sou, aqui, pouco em mim reconheço, e pouco sou reconhecido. Disto falam os meus versos…

Em stock

Categoria: Etiquetas: ,