Promoção!

Roteiros Republicanos – Braga

6,99 1,00

A especificidade da cidade e região bracarense, no quadro da construção da ordem e regime republicano de 1910, decorre essencialmente da dimensão da expressão dos elementos da cultura religiosa tradicional, desenvolvimento e enquadramento eclesiástico, que nos alvores do século XX mantém ainda o seu vigor histórico, reforçado mesmo por meados do século XIX. Em Braga, cidade e sua região e diocese, as instituições políticas de ordem eclesiástica e diocesana disputam o mais forte enquadramento das populações urbanas e rurais à ordem política, civil e administrativa pública. Mas tal especificidade decorre também dos termos que ao longo da História assumiram em Braga os confrontos da expansão e proeminência das ordens políticas concorrentes, designadamente a partir do século XVIII com o absolutismo monárquico regalista e com o constitucionalismo monárquico demo-liberal. Mas desde os tempos da fundação do senhorio temporal bracarense no século XV, passando pelos do despotismo pombalino, a história das relações da Igreja e da sociedade tradicional bracarense com a ordem monárquica e civil é de diplomáticos e violentos confrontos.

Em stock